Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
 - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Costa Verde do Rio recebe mais uma edição da FITA – Festival Internacional de Teatro

POR DENTRO DOS FATOS COM GEÓRGIA CRISTHINE 2 DE 02-06-16
Nos siga no
Começou nesta sexta-feira (3) e vai até o dia 19 de junho a 12ª edição da FITA – Festival Internacional de Teatro de Angra dos Reis, região da Costa Verde do Rio, o maior festival do tipo no Estado e um dos mais importantes eventos do país, mostrando para o público, à preços populares, grandes produções do teatro nacional e internacional.

A edição conta com mais de 50 espetáculos, com 8 estreias nacionais, reunindo cerca de 1500 artistas, técnicos, diretores e produtos.

Em entrevista exclusiva para a Sputnik, o Jornalista e idealizador da FITA,  João Carlos Rabello falou sobre a história o do festival, que já está sendo considerado como o maior desde sua criação em 2004.

“Começamos em 2004, imaginando um festival de teatro do ponto de vista da plateia, onde a plateia fosse privilegiada. Escolhemos espetáculos de extrema qualidade, mas que tivessem uma pegada popular, e com essa programação reunimos já na primeira edição para espanto de todos uma plateia lotada de mil pessoas por espetáculos.”

Os espanhóis Sergi López e Jorge Picó participam da 5ª edição do Cena Brasil Internacional com o espetáculo 30-40 livingstone - Sputnik Brasil
Rio recebe Festival Internacional de Teatro Cena Brasil 2016

De lá para cá o evento só cresceu. João Carlos Rabello destacou que o festival conta hoje com duas tendas, uma de 1500 lugares e outra de 500 montadas na Praia do Anil, além de um espaço especial do Sesc Rio, onde acontecem debates, palestras e entrevistas com os atores e diretores dos espetáculos, além de incentivar o turismo local.

“Hoje, o nosso teatro tem 1500 lugares, e chegamos a bater de 80 a 100 mil pessoas por edição. Esse ano vamos ter 52 espetáculos, em torno de 100 apresentações. Hoje temos espetáculos populares, e ao mesmo tempo temos espetáculos de pesquisa, mais intimistas, mais cabeça e temos todas essas plateias lotadas.”

O jornalista ressaltou a importância do festival como uma porta de entrada para todos os tipos de espetáculos existentes no Brasil e internacionalmente, oferecendo oportunidades para que artistas que normalmente não estão no circuito dos grandes festivais estejam presentes na FITA.

“Para o ator brasileiro, estar circulando pelo Brasil a fora já é uma coisa importante. Tem diversos espetáculos, que normalmente não estão em festivais, e que aqui eles tem a chance de estar, como por exemplo, as grandes comédias, também temos um espaço só para infantil. Nós abrimos um leque para todos os tipos de teatro. Para a classe artística isso é extremamente importante, e eles reconhecem isso como importante para a cena teatral brasileira, e para essa troca internacional, sempre  que podemos trazemos grandes companhias internacionais. Esse ano não privilegiamos isso, mas já estamos organizando para o ano que vem a presença de quatro companhias importantes.”

Sobre o atual momento político para a cultura brasileira, após a queda e retomada do Ministério da Cultura, João Carlos Rabello avalia que a Cultura no Brasil com ou sem Ministério sempre foi relegada a segundo plano, mas com a ampliação da questão agora, o jornalista espera que aconteça um grande projeto cultural para o país e beneficie principalmente a população.

“Tomara que isso seja feito de uma forma que atenda a todos, e não só privilegie alguns grupos teatrais brasileiros ou de música, que seja realmente uma coisa que atenda a população. Eu acho que a política cultural tem que ser vista do ponto de vista da população.”

Para saber toda a programação acesse o site da FITA.


Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала