Casos de febre amarela crescem em Angola

© Sputnik / Sergei Mamontov / Abrir o banco de imagensLuanda, Angola
Luanda, Angola - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Angola registrou até o dia 25 2.536 casos de febre amarela, um crescimento bastante significativo em relação à data do último boletim, 19 de abril, quando eram contabilizados 1.098 infectados, segundo a Organização Mundial da Saúde, OMS.

Instituto anuncia que vacina contra Zika estará disponível para testes antes do fim do ano - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Instituto anuncia que vacina contra Zika estará disponível para testes antes do fim do ano
A febre amarela é transmitida pelo mesmo vetor da dengue, chikungunya e zika, o mosquito Aedes Aegypti. No entanto, as epidemias dessa doença podem ser controladas com inoculações abrangentes.

"O surto em Angola permanece sendo de grande preocupação, dada a persistente transmissão local em Luanda, apesar do fato de que mais de sete milhões de pessoas foram vacinadas", afirmou a OMS em comunicado nesta quinta-feira, 26. "A transmissão local tem sido reportada em sete províncias altamente povoadas, incluindo Luanda". 

Desde o início da nova onda de contaminações, em dezembro passado, 301 pessoas morreram em decorrência da febre amarela em Angola.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала