- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Governo divulga terça-feira novas medidas, com mais cortes de gastos públicos

REPORTAGEM GOVERNO MEDIDAS 2 DE 23 05 16
Nos siga noTelegram
O Ministro da Fazenda, Henrique Meirelles anunciou que o governo apresenta nesta terça-feira(24), um novo pacote com medidas legislativas e administrativas, que serão tomadas para reduzir gastos públicos e reaquecer o crescimento da economia brasileira.

Ao participar de um seminário nesta segunda-feira (23), em São Paulo, Henrique Meirelles,  voltou a dizer, sem dar muitos detalhes, que o foco das medidas do governo está na eficiência dos serviços públicos.

Senado discute revisão de meta fiscal, que pode ser votada nesta terça-feira pela Casa. - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Senado discute revisão de meta fiscal, que pode ser votada nesta terça-feira pela Casa

“Eu não entrarei em detalhes, porque elas serão anunciadas amanhã (24), no final da manhã pelo Governo. Medidas tanto no campo administrativo, como no campo legislativo. As medidas terão três linhas de ação: o controle de despesas primárias e financeiras de um lado, com foco na eliminação da ineficiência do gasto público, de outro, uma busca na ênfase, no desempenho, na prestação de serviços públicos, que embora o são de todos os cidadãos e cidadãs, esses serviços são aqueles exatamente utilizados pela camada mais pobre de brasileiros. Eu gostaria de dizer que a ideia é exatamente um plano de voo, um plano de direção, com medidas que tenham efeitos plurianuais, e que tenham impactos permanentes.” 

Meirelles acredita que com as medidas “haja um fortalecimento, uma volta de confiança das famílias e dos empresários, trazendo como consequência a retomada das atividades, do emprego, do investimento e, da arrecadação tributária.” 

As ações que vão ser anunciadas nesta terça-feira (24), ainda vão precisar da aprovação do Congresso Nacional, como por exemplo, as mudanças no atual sistema da Previdência Social. 

Durante o seminário, Henrique Meirelles criticou, que os atuais problemas do país tiveram início “com a elaboração de uma série de políticas que criaram uma dúvida sobre a sustentabilidade e solvência do Estado.”


Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала