EUA: ausência da Rússia na cúpula do G7 não prejudica diálogo sobre Síria

Nos siga noTelegram
Os EUA acreditam que a ausência da Rússia na cúpula do G7, que acontece na semana que vem no Japão, não cria empecilhos para a manutenção do diálogo com Moscou sobre o tema da Síria, declarou o vice-assessor do presidente dos EUA para assuntos de segurança nacional Ben Rhodes.

“A ausência da Rússia nesse fórum não interfere nas nossas capacidades de participar do constante diálogo sobre este problema” – disse o vice-assessor, destacando que os EUA estão “profundamente envolvidos na troca de opiniões” sobre a manutenção do regime de cessar-fogo na Síria.

Líderes do G7 em uma conversa informal durante a cúpula do grupo na Alemanha. - Sputnik Brasil
Rússia: G7 não tem influência sobre política internacional
A trégua na Síria entrou em vigor no último dia 27 de fevereiro, após um acordo internacional apoiado por Rússia e Estados Unidos para suspender os conflitos no país e garantir o envio de ajuda humanitária à população. A medida, no entanto, não contempla grupos terroristas como Daesh e Frente al-Nusra, que seguem sendo atacados.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала