Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Campanha presidencial nos EUA na mira de hackers

Nos siga no
As campanhas candidatos das eleições presidenciais nos EUA são alvo de ciberataques, revelou o coordenador dos serviços secretos norte-americanos, James Clapper, que admitiu a intensificação deste tipo de ações ao londo da campanha.

Hackers do Exército Eletrônico da Síria invadem site do Exército dos EUA - Sputnik Brasil
Hackers do Daesh divulgam dados pessoais de milhares nova-iorquinos
Segundo o coordenador, que falou durante uma conferência sobre cibersegurança em Washington, o Departamento de Segurança Interna e a polícia federal norte-americana (FBI) fazem o que podem para informar aos dois grandes partidos em campanha – Republicano e Democrata – “sobre as possíveis ameaças cibernéticas”.

Tradicionalmente, os serviços de informações norte-americanos começam a informar os candidatos à presidência sobre ameaças que pesam sobre os Estados Unidos a partir do momento em que estes são oficialmente designados pelos respectivos partidos.

Alguns analistas têm manifestado preocupação sobre a transmissão de informações mais sensíveis a Trump, que sugeriu, entre outras medidas, fechar as fronteiras norte-americanas a todos os muçulmanos.

James Clapper esclareceu que estas apresentações “não são feitas para influenciar a visão do mundo” dos candidatos, frisando ainda que os candidatos não têm acesso à mesma informação detalhada que é transmitida ao Presidente do país.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала