- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Tropa de Choque arrasta estudantes à força de dentro de escola ocupada em São Paulo

© Rovena Rosa/Agência Brasil/FotosPúblicasEstudantes resistem à invasão da Tropa de Choque da PM de São Paulo na escola ocupada Centro Paula Souza (foto de 2 de maio de 2016)
Estudantes resistem à invasão da Tropa de Choque da PM de São Paulo na escola ocupada Centro Paula Souza (foto de 2 de maio de 2016) - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Tropa de Choque da Polícia Militar de São Paulo retirou à força, na manhã desta sexta-feira (6), os estudantes secundaristas que ocupavam há uma semana o Centro Paula Souza, na área central da capital paulista, em protesto contra o escândalo das merendas no estado.

A PM, armada com metralhadoras e sprays de pimenta, proibiu jornalistas e fotógrafos de se aproximarem da escola, segundo relata o coletivo Jornalistas Livres. Advogados foram impedidos de acompanhar a ação dentro da escola

​Após serem arrastados violentamente, entoando slogans como “não tem arrego!” e “sem violência!”, os estudantes interditaram a pista local da avenida Tiradentes.

​Os secundaristas ocuparam o Centro Paula Souza, responsável pela administração das Escolas Técnicas Estaduais (Etecs), na quinta-feira (28) da semana passada. Eles reivindicam melhorias na merenda escolar e a investigação da máfia que desvia recursos do lanche no estado de São Paulo. 

Estudantes protestam contra desvios na merenda em São Paulo - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Estudantes protestam contra desvios na merenda e bloqueiam Avenida Paulista
Após a invasão da PM sem mandato judicial na última segunda-feira (2), com a presença do secretário de Segurança Pública, Alexandre de Moraes, e depois de uma série de liminares aprovando e anulando a reintegração de posse do Centro Paula Souza ao longo da semana, a ação de hoje foi recebida com espírito de resistência por parte dos estudantes, que decidiram doar cobertores e alimentos recebidos na escola ocupada para moradores de rua, e prometeram seguir com as ocupações. 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала