- Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

PPS: afastamento de Cunha levanta discussão sobre independência de poderes

© Marcello Casal Jr./ABrDeputado federal Roberto Freire (PPS-PE), presidente nacional do PPS
Deputado federal Roberto Freire (PPS-PE), presidente nacional do PPS - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Em entrevista exclusiva à Sputnik, o deputado federal Roberto Freire (PPS-PE), presidente nacional do PPS, comentou as possíveis consequências da suspensão do mandato de deputado federal de Eduardo Cunha (PMDB-RJ), determinado na manhã desta quinta-feira (5) pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Teori Zavascki.

Na opinião de Freire, a decisão do ministro pode levantar a discussão sobre princípio da independência entre os poderes, dando márgem à interpretações que denunciam interferência do Judiciário no Legislativo.

“A decisão do Ministro Teori Zavascki pelo afastamento de Eduardo Cunha da Presidência da Câmara dos Deputados e do seu mandato é inusitada. Do ponto de vista institucional, dá margem à interpretação de que, contrariamente ao princípio da independência entre os poderes, a decisão possa configurar uma clara interferência do Poder Judiciário sobre o Legislativo" – disse o deputado.

CUT participa de evento do Dia do Trabalhador, em SP - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
CUT desconfia dos motivos reais do afastamento de Cunha
Ele destacou, no entanto, que, de uma forma geral, a medida do Ministro Teori Zavascki está sendo aplaudida pela opinião pública. "Afinal, a opinião pública, há muito tempo, consolidou a opinião de que Eduardo Cunha não reunia mais condições de estar à frente da Câmara dos Deputados" – destacou.

Falando em possíveis consequências da liminar sobre o processo de impeachment da Presidenta Dilma Rousseff, Freire disse não acreditar que o afastamento de Cunha vá "influenciar no ânimo dos Senadores".

"Acredito que o processo [de impeachment] prosseguirá normalmente, dentro da ordem legal e constitucional. E é exatamente dentro das normas da Constituição Federal que a classe política deve se pautar” – concluiu o presidente nacional do PPS.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала