EUA aumentam fundos para treinar jornalistas no exterior

© AFP 2022 / ALBERTO PIZZOLIJohn Kerry durante a coletiva de imprensa de 2 de fevereiro de 2016
John Kerry durante a coletiva de imprensa de 2 de fevereiro de 2016 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Depois de providenciar treinamento para mais de 750 jornalistas em todo o mundo, Washington decidiu aumentar o financiamento no setor para 2,5 milhões de dólares, segundo informou o secretário de Estado norte-americano, John Kerry.

Erdogan esmaga liberdade de imprensa - Sputnik Brasil
Martelo de censura contra liberdade de imprensa
Os Estados Unidos estão aumentando o financiamento em mais de US$ 2 milhões para treinar centenas de repórteres ao redor do mundo, disse o secretário em coletiva de imprensa nesta terça-feira.

"Nós providenciamos treinamento físico e digital para mais de 750 jornalistas em todo o mundo, e nós estamos aumentando o financiamento para US$ 2,5 milhões neste ano, para treinar ainda mais", declarou Kerry. 

Na Rússia, o ministro das Relações Exteriores, Sergei Lavrov, prestou homenagem aos profissionais do jornalismo neste 3 de maio, Dia Mundial da Liberdade de Imprensa. Em comunicado oficial, o chanceler russo lembrou que "ser um jornalista no mundo moderno é tanto um grande privilégio como uma enorme responsabilidade".

"É extremamente importante fornecer informações para as audiências sem distorcer sua essência, sem "embelezar" de acordo com preferências pessoais ou crenças ideológicas. Essa é a maior maestria", disse ele. 

"Uma imprensa livre, pluralista e independente é um componente necessário de qualquer sociedade democrática. Este dia é um lembrete para a comunidade internacional de que a liberdade de imprensa e a liberdade de expressão são direitos básicos consagrados na Declaração Universal dos Direitos Humanos".

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала