Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
 - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Anonymous derruba site do TJ de Sergipe após bloqueio do WhatsApp

© flickr.com / Ian MuttooMáscaras utilizadas por ativistas do grupo Anonymous
Máscaras utilizadas por ativistas do grupo Anonymous - Sputnik Brasil
Nos siga no
O Anonymous Brasil bloqueou na tarde desta segunda-feira o acesso a diversos sites ligados ao governo e à justiça do estado de Sergipe em protesto contra a suspensão do aplicativo de mensagens WhatsApp, determinada por um juiz da comarca de Lagarto (SE).

Questionando a decisão, tomada por Marcel Montalvão, o mesmo que, em março, mandou prender o vice-presidente do Facebook para a América Latina, Diego Dzodan, após a empresa ter se recusado a colaborar com investigações da Polícia Federal a respeito de conversas no WhatsApp em um processo de tráfico de drogas, o grupo informou que, se o aplicativo ficar fora do ar pelas 72 horas previstas, o mesmo acontecerá com "o site do Tribunal de Justiça de Sergipe".

 

Às 14h, obedecendo a ordem do juiz de Lagarto, as operadoras de telecomunicações TIM, Nextel, Oi, Claro e Vivo decidiram suspender o acesso dos seus clientes ao WhatsApp. No entanto, alguns usuários afirmaram nas redes sociais que conseguiram continuar utilizando o aplicativo após o bloqueio.

Em seu perfil no Facebook, o Anonymous Brasil divulgou informações de como burlar a censura ao WhatsApp através de redes de comunicação privada conhecidas como VPN. O grupo destacou, no entanto, alguns riscos que devem ser evitados nesse tipo de conexão. 

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала