Demolição de monumentos soviéticos é ‘teste para relação’ com a Polônia, diz embaixador

© AP Photo / Czarek SokolowskiWarsaw residents walk among the graves and a monument of Red Army soldiers killed while driving Nazi German troops from the city in January 1945, at their cemetery in Warsaw, Poland
Warsaw residents walk among the graves and a monument of Red Army soldiers killed while driving Nazi German troops from the city in January 1945, at their cemetery in Warsaw, Poland - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A questão da demolição, por parte da Polônia, de monumentos da Era Soviética, é um teste para as relações entre Rússia e Polônia, disse neste sábado o embaixador russo no país.

Trabalhadores em meio de remover uma estátua gigante de Vladimir Lenin na cidade polonesa de Nowa Huta perto de Cracóvia. (Foto de arquivo. 11 de dezembro, 1989) - Sputnik Brasil
500 monumentos soviéticos serão deslocados na Polônia
Em março, os planos para remover da Polônia vários monumentos da Era Soviética foram anunciados pelo chefe do Instituto Nacional da Memória do país.

“Esperamos que esta campanha não seja implementada e apoiada pela população polonesa. Será o momento da verdade, um teste para as relações entre países, mas especialmente entre as nações. Nossos parceiros poloneses têm que entender que este assunto é muito delicado para nós e se algo assim acontecer, não passará sem consequências”, disse Sergey Andreev a jornalistas.

As relações entre Moscou e Varsóvia se desgastaram com seguidos casos de demolições de monumentos soviéticos no país a também com supostas tentativas por oficiais poloneses de distorcer a história e menosprezar a contribuição dos soldados soviéticos na vitória sobre o nazismo na Segunda Guerra Mundial.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала