EUA concederão ajuda de $415 milhões aos curdos iraquianos para combater Daesh

© AFP 2022 / Safin HamedCombatentes curdos iraquianos Peshmerga em cerimônia de graduação de treinamento em Arbil, capital da Região Autônoma do Curdistão, no norte do Iraque.
Combatentes curdos iraquianos Peshmerga em cerimônia de graduação de treinamento em Arbil, capital da Região Autônoma do Curdistão, no norte do Iraque. - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O chefe do Pentágono, Ashton Carter, anunciou que os EUA concederão 415 milhões de dólares aos curdos peshmerga do Iraque como apoio adicional na luta contra o Daesh (Estado Islâmico).

Militantes do Daesh com a bandeira da organização em Faluja, Iraque - Sputnik Brasil
Ataque conjunto curdo-americano elimina líder do Daesh no Iraque
“Para acelerar a intensidade da luta contra o Daesh, concederemos até 415 milhões de dólares como ajuda financeira aos combatentes peshmerga”, disse o porta-voz do Pentágono, Peter Cook. 

O Pentágono também decidiu implantar 217 unidades adicionais no Iraque para ajudar as forças locais para libertar Mosul. As tropas incluem, em particular, diretores das forças especiais dos EUA e apoio aéreo.

“Também foi decidida expansão da assistência técnica norte-americana para a libertação de Mosul, autorizando o uso dos helicópteros Apache AH-64 para apoiar as operações de recuperação de Mosul", disse Cook em seu Twitter. 

Mosul é um reduto de Daesh no Iraque desde que o grupo terrorista tomou a cidade em 2014.

Desde 2014, os EUA e seus aliados bombardeiam posições do Estado Islâmico na Síria e no Iraque.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала