Depois do S-300 e S-400, vem nova geração de sistemas antimísseis

© AFP 2022 / KIRILL KUDRYAVTSEVUma jovem passa ao lado do sistema de defesa antiaérea S-400
Uma jovem passa ao lado do sistema de defesa antiaérea S-400 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Está prestes a terminar o trabalho de pesquisa e desenvolvimento de sistema de defesa antiaérea da nova geração, que poderá interceptar misseis balísticos e terá potencial elevado.

A Força Aeroespacial da Rússia espera receber em breve as primeiras unidades do sistema de defesa antiaérea S-500, disse o Comandante Adjunto, Comandante das Forças da Defesa Aeroespacial e antimíssil, major-brigadeiro Viktor Gumenniy no ar do canal de TV Rossiya 24.

Anotou ainda que o trabalho de pesquisa e desenvolvimento do novo sistema S-500 está prestes a terminar.

S-400. - Sputnik Brasil
Rússia posiciona sistemas S-400 camuflados na Sibéria ocidental
Os mísseis terra-ar da nova geração S-500 são uma unidade universal da defesa antiaérea de longo alcance e alta intercepção, que tem potencial elevado da defesa antimíssil. O sistema tem a capacidade de destruir alvos tanto balísticos, como aerodinâmicos (como aviões, helicópteros, etc.), e também mísseis de cruzeiro.

O S-500 tem área efetiva de 600 km e pode simultaneamente detectar e destruir até 10 alvos balísticos supersônicos com velocidade de até 7 km por segundo. O sistema será capaz de atingir ogivas de misseis hipersônicos. As caraterísticas do novo S-500 serão muito mais sofisticadas do que as do S-400 Triumph, atualmente operados pelo exército russo, assim como as do análogo norte-americano Patriot Advanced Capability-3.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала