Damasco vai abrir escola russa

© Sputnik / Pavel LisitsynFormanda de uma escola russa do vilarejo Kalinovo, região de Sverdlivsk
Formanda de uma escola russa do vilarejo Kalinovo, região de Sverdlivsk - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Uma delegação russa vai discutir no sábado (9) a abertura de uma escola russa na capital síria com o ministro local do Ensino Superior.

A questão foi levantada, pela primeira vez em julho de 2015. Além disso, será abordado o programa do treinamento para professores sírios de russo e organização de estágios de jovens especialistas.

Sírios com as fotos do presidente sírio Bashar Assad e primeiro-ministro russo Vladimir Putin em Damasco - Sputnik Brasil
‘Estratégia de Putin decidiu o destino de Palmira’
A escola deverá funcionar em modelo de educação abrangente e será chefiada por uma das maiores universidades russas, a Sinergia. 

Por sua vez, a Rússia ampliou as quotas para a educação gratuita de cidadãos sírios nas universidades russas, o que foi anunciado pelo ministro adjunto das Relações Exteriores russo na conferência em Genebra em 30 de março. O número de estudantes  será dobrado para 300.

Segundo o diplomata, “o ênfase será colocado nas profissões que são úteis para a restauração da economia e infraestrutura sírias destruídas pela guerra”.

Em 2014 a língua russa foi introduzida como a língua estrangeira obrigatória em todas as escolas da Síria. Mais de 100 mil graduados das universidades soviéticas e depois russas ocupam hoje altos cargos na economia, política e cultura do país.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала