Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Greve: Professores argentinos vão às ruas protestar contra Macri

© AFP 2021 / Eitan Abramovich Mauricio Macri, presidente de Argentina
Mauricio Macri, presidente de Argentina - Sputnik Brasil
Nos siga no
Professores de todas as províncias da Argentina organizaram nesta segunda-feira, 4, uma greve para protestar contra as falhas do governo Mauricio Macri em cumprir os acordos salariais e trabalhistas firmados com a classe em fevereiro passado.

Desde cedo, docentes de escolas públicas e privadas, e também de universidades, se reuniram em uma marcha até o Ministério da Educação para apresentar suas reivindicações, que incluem o fim das demissões em massa no setor público, da criminalização dos protestos e a continuidade dos programas sociais do governo anterior, de Cristina Kirchner.

Além da questão dos salários e das condições de trabalho, a manifestação, que conta com integrantes da Confederação de Trabalhadores da Educação, do Sindicato Argentino de Docentes Privados e da organização Docentes Argentinos Confederados, também pede que sejam punidos os responsáveis pela morte do professor Carlos Fuentealba, assassinado há exatos nove anos por um policial durante um ato na província de Neuquén. 


Este contenido ha sido publicado originalmente por teleSUR bajo la siguiente dirección:
http://www.telesurtv.net/news/Masiva-participacion-en-paro-docente-en-Argentina-20160404-0035.html. Si piensa hacer uso del mismo, por favor, cite la fuente y coloque un enlace hacia la nota original de donde usted ha tomado este contenido. www.teleSURtv.ne
Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала