Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

UNICEF: diariamente seis crianças morrem no Iêmen

© AFP 2021 / SALEH AL-OBEIDIUm representante da Cruz Vermelha com um grupo de crianças iemenitas evacuadas na cidade portuária de Aden, no sul do país
Um representante da Cruz Vermelha com um grupo de crianças iemenitas evacuadas na cidade portuária de Aden, no sul do país - Sputnik Brasil
Nos siga no
Enquanto os adultos “resolvem os problemas” usando a força e as armas, as mais desprotegidas “sofrem perdas”.

Moradores procuram por sobreviventes sob escombros de casas destruídas em ataques aéreos liderados pela Arábia Saudita no Iêmen em 12 de junho de 2015 - Sputnik Brasil
São os EUA culpados por crimes de guerra no Iêmen?
O conflito militar no Iêmen entre rebeldes houthis juntamente com as tropas de exército fiéis ao presidente atual Ali Abdullah Saleh e as tropas fieis ao ex-presidente Abd Rabbuh Mansur al-Hadi continua, assim como o número de vítimas.

O Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF na sigla em inglês) informou em um relatório nesta terça-feira (29) que no país árabe os bombardeios ameaçam diariamente a vida de seis crianças.

"A partir do ano passado diariamente morrem ou recebem mutilações pelo menos seis crianças. <…> Neste conflito morreram já mais de 900 crianças e mais de 1,3 mil sofreram ferimentos só no ano passado. Estes números são sete vezes superiores aos números de 2014", diz-se no relatório da UNICEF.

O volume real de crimes contra jovens, provavelmente é muito mais alto. Além disso, segundo a organização, cerca de dez milhões de crianças no Iêmen, o que é 80% da população menor do país, precisam de ajuda humanitária urgente.

A guerra civil no Iêmen já provocou quase cinco mil mortes - Sputnik Brasil
É oficial: EUA intervêm no conflito em Iêmen
O documento foi publicado em relação com o primeiro aniversário de inicio de bombardeios por parte da coalizão liderada pela Arábia Saudita.

Várias organizações internacionais classificam abertamente a situação no Iêmen como catástrofe humanitária. Atualmente está em vigor uma trégua entre os lados do conflito e as negociações sobre a resolução pacífica podem começar em abril.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала