Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Coreia do Norte interessada em reiniciar diálogo a seis

© REUTERSO chefe da delegação sul-coreana, Kim Ki-Woong (dir.) aperta a mão com do seu homólogo norte-coreano, Hwang Chol.
O chefe da delegação sul-coreana, Kim Ki-Woong (dir.) aperta a mão com do seu homólogo norte-coreano, Hwang Chol. - Sputnik Brasil
Nos siga no
De acordo com uma fonte no Ministério das Relações Exteriores da Rússia, a Coreia do Norte está interessada no reatamento das conversações a seis sobre a desnuclearização.

"A Coreia do Norte pretende manter conversações com os Estados Unidos, embora seja incapaz de o fazer. Todos os testes desta ou daquela arma são realizados pela Coreia do Norte depois  após lhe ser recusada a efetuação de conversações", disse a fonte.

North Korean leader Kim Jong Un watches landing and anti-landing exercises being carried out by the Korean People's Army (KPA) at an unknown location, in this undated photo released by North Korea's Korean Central News Agency (KCNA) in Pyongyang on March 20, 2016 - Sputnik Brasil
Em vídeo, Coreia do Norte ameaça ataque nuclear contra Estados Unidos
No início de março, a Coreia do Norte lançou cinco mísseis de curto alcance em direção ao Mar do Japão, o que se tornou o terceiro teste de mísseis de Pyongyang, incluindo lançamentos de mísseis balísticos de médio alcance, nas últimas duas semanas.

Os lançamentos vêm em resposta aos exercícios militares conjuntos de grande escala da Coreia do Sul e Estados Unidos. As manobras americano-coreanas incluem a simulação de eliminação dos dirigentes da Coreia do Norte e dos arsenais nucleares do país em caso de guerra. Pyongyang considera os treinamentos como uma provocação.

Em 2003, Pyongyang se juntou às negociações sobre a desnuclearização da península coreana com os Estados Unidos, Rússia, China, Japão e Coreia do Sul, tendo anteriormente saído do Tratado de Não Proliferação Nuclear, que ratificara em 1985. No entanto, as negociações não levaram a qualquer sucesso. Em resposta à condenação da ONU em 2009, após o lançamento de um foguete, a Coreia do Norte declarou que saía do grupo.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала