Em vídeo, Coreia do Norte ameaça ataque nuclear contra Estados Unidos

© REUTERS / KCNANorth Korean leader Kim Jong Un watches landing and anti-landing exercises being carried out by the Korean People's Army (KPA) at an unknown location, in this undated photo released by North Korea's Korean Central News Agency (KCNA) in Pyongyang on March 20, 2016
North Korean leader Kim Jong Un watches landing and anti-landing exercises being carried out by the Korean People's Army (KPA) at an unknown location, in this undated photo released by North Korea's Korean Central News Agency (KCNA) in Pyongyang on March 20, 2016 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Usando gráficos gerados em computador, um clipe chamado “Última Chance” mostra a Coreia do Norte lançando um ataque nuclear contra a capital dos EUA. Legenda diz que se Washington tentar outro ato provocativo, Pyongyang usará armas nucleares sem hesitar.

O vídeo, publicado no canal de YouTube do veículo norte-coreano DPRK Today, mostra a capacidade militar do país e narra a história de suas relações com os Estados Unidos. No fim do vídeo, a Coreia do Norte lança um míssil balístico que atinge Washington. Em seguida, a bandeira americana é exibida em chamas.

Se houver outros atos provocativos dos EUA, “lançaremos um ataque nuclear preventivo sem pensar duas vezes”, dizem as legendas.

Em janeiro, a Coreia do Norte realizou com sucesso um teste com uma bomba de hidrogênio. Um mês depois, colocou em órbita um satélite, violando resoluções do Conselho de Segurança da ONU e aumentando a tensão na Península da Coreia.

No dia 2 de março, o Conselho de Segurança da ONU adotou as sanções mais duras impostas contra a Coreia do Norte na última década. As restrições sujeita a inspeções todo material entrando ou saindo do país e limita ou proíbe a exportação pela Coreia do Norte de carvão, ferro, ouro, titânio e minerais raros.

Soldados de EUA, Coreia do Sul, Austrália, Dinamarca, França e Reino Unido realizaram, também em março, exercícios militares conjuntos de larga escala com a intenção de manter a prontidão de Seul.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала