EUA e Coreia do Sul realizam exercícios navais sob ameaças de ataque norte-coreano

© AP Photo / Jo Jong-hoO destróier USS Curtis Wilbur, da Marinha dos EUA, no porto de Busan (Coreia do Sul) em 2010
O destróier USS Curtis Wilbur, da Marinha dos EUA, no porto de Busan (Coreia do Sul) em 2010 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A fase marítima da operação de treinamentos Foal Eagle, que reúne forças navais dos Estados Unidos e da Coreia do Sul, já está em curso, apesar das ameaças norte-coreanas, segundo informou o serviço de imprensa da Marinha americana em comunicado oficial nesta quinta-feira.

Dois sistemas de THAAD são lançados durante um teste de interceptação bem sucedido. - Sputnik Brasil
EUA anunciam 'acordo de princípio' para implantar mísseis THAAD na Coreia do Sul
"Três destróires US Arleigh da classe Burke com mísseis guiados operaram com aproximadamente 10 navios da Marinha da República da Coreia por sete dias na costa da península coreana", diz o documento. 

A Foal Eagle é constituída por uma série de exercícios combinados das Forças Armadas dos EUA e da Coreia do Sul. O evento, realizado anualmente, é considerado um dos maiores treinamentos militares do mundo. Segundo o Departamento de Defesa norte-americano, esses exercícios possuem natureza defensiva e têm como objetivo fornecer às unidades de nível tático a oportunidade de confirmar a prontidão de suas forças, bem como validar sua interoperabilidade e familiarizá-las com o ambiente.

Ainda de acordo com o Pentágono, como em todos os anos, a Coreia do Norte respondeu ao início das operações com ameaças de ataques nucleares. 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала