Dia trágico em Bruxelas faz 34 mortos

© AFP 2022 / Cédric SimonSoldado belga fora de estação de metrô de Maelbeek no centro de Bruxelas, Bélgica, 22 de março de 2016
Soldado belga fora de estação de metrô de Maelbeek no centro de Bruxelas, Bélgica, 22 de março de 2016 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Pelo menos, uma das explosões no aeroporto de Bruxelas foi realizada por um homem-bomba, disse o procurador federal belga Frederic Van Leeuw na sua entrevista coletiva na terça-feira (22).

“Na área de embarque do Zaventem tiveram lugar duas explosões esta manhã. Uma foi possivelmente realizada por um homem-bomba”, afirmou Leeuw.

Policiais belgas e veículos de serviços de emergência na rua onde fica a entrada para a estação de metrô de Maelbeek, Bruxelas, Bélgica, 22 de março de 2016 - Sputnik Brasil
Explosão atinge estação de metrô em Bruxelas
O procurador também disse que a terceira explosão, na estação de metrô de Maelbeek, aconteceu meia hora depois das explosões no aeroporto. Inicialmente, havia informação sobre duas outras explosões nas estações de metrô de Arts-Loi e Schuman, mas esta não foi confirmada.

Segundo a emissora belga RTBF, na área de embarque do aeroporto foi encontrado um fuzil Kalashnikov. Testemunhas afirmaram terem ouvido alguém gritar algo em árabe e tiros nos momentos antes das explosões.

Segundo o canal televisivo belga VTM, a polícia belga encontrou um cinto de explosivos que não detonou no aeroporto de Bruxelas. Além disso, as autoridades desativaram engenhos explosivos e objetos suspeitos encontrados em Bruxelas. Segundo o portal de notícias Avenir, a polícia explodiu um carro suspeito no centro de Bruxelas.

People leave the scene of explosions at Zaventem airport near Brussels, Belgium, March 22, 2016 - Sputnik Brasil
Sputnik falou com testemunha: ‘Estava muito perto, talvez a uns 30-40 metros’
Segundo a RTBF, em resultado do atentado no metrô foram mortas 20 pessoas e mais de uma centena ficaram feridas.

Pelo menos, 38 pessoas morreram nos ataques de terça-feira (22) em Bruxelas, 14 no metrô e 14 no aeroporto, segundo o porta-voz do serviço de bombeiros de Bruxelas, Pierre Meyse. O número total de feridos é de 170 pessoas.

© Sputnik / Evgeny Odinokov / Abrir o banco de imagensCidadãos russos depositam flores perto de embaixada belga em Moscou após atentados em Bruxelas, Rússia, 22 de março de 2016
Cidadãos russos depositam flores perto de embaixada belga em Moscou após atentados em Bruxelas, Rússia, 22 de março de 2016 - Sputnik Brasil
Cidadãos russos depositam flores perto de embaixada belga em Moscou após atentados em Bruxelas, Rússia, 22 de março de 2016

A circulação de todo o transporte público em Bruxelas foi interrompida. As autoridades de Bruxelas prometeram restaurar a circulação dos transportes rodoviários e ferroviários (mas não o metrô).

O primeiro-ministro belga, Charles Michel, disse que hoje é "um dia de tragédia, um dia negro" e apelou a todos para "manter calma e mostrar solidariedade".

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала