Rússia quer que Cuba seja amiga dos EUA

© AFP 2022 / YURI CORTEZPresidente norte-americano Barack Obama no aeroporto Jose Marti, Havana, Cuba, 20 de março de 2016
Presidente norte-americano Barack Obama no aeroporto Jose Marti, Havana, Cuba, 20 de março de 2016 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Rússia está interessada em que Cuba mantenha boas relações com todos os seus vizinhos, inclusive com os EUA, e saúda o abandono da política de sanções, disse o porta-voz do presidente russo Dmitry Peskov.

“Em geral, no contexto de relações internacionais sabem que Moscou criticou repetidamente e em vários níveis os apoiantes das sanções, tendo em conta principalmente a sua ineficácia e ausência de sentido. Por isso, com certeza, só podemos saudar o abandono da política de sanções nas relações internacionais em geral”, disse Peskov aos jornalistas na segunda-feira (21).

Tourists pass by images of U.S. President Barack Obama and Cuban President Raul Castro in a banner that reads Welcome to Cuba at the entrance of a restaurant in downtown Havana, March 17, 2016. - Sputnik Brasil
Obama chega a Cuba para primeira visita presidencial americana desde 1928
Peskov destacou que a Rússia e Cuba têm relações de amizade e parceria há muitos anos.

“Agora estas relações adquirem um novo caráter. Há muitos assuntos para a cooperação bilateral. Com certeza, estamos interessados em que Cuba, um país amigável, mantenha boas relações com todos os seus vizinhos, primeiramente com os Estados Unidos da América”, disse o assessor comentando a visita do presidente norte-americano Barack Obama a Cuba.

Há que lembrar que no domingo (20) Obama chegou à capital de Cuba para se reunir com o presidente de Cuba, Raul Castro, e discutir a situação atual nas relações bilaterais. Obama tornou-se o primeiro presidente norte-americano a visitar a ilha desde 1928.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала