Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Líder do PKK ameaça vingança se Ancara seguir massacrando os curdos

© AP Photo / Ibrahim UstaCurdos com bandeiras do PKK em Istambul, Turquia
Curdos com bandeiras do PKK em Istambul, Turquia - Sputnik Brasil
Nos siga no
Em meio aos ataques do exército da Turquia às comunidades curdas do sudeste do país, um membro da liderança do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), alertou hoje sobre o inevitável aumento da violência em resposta às ações de Ancara.

Buildings, which were damaged during the security operations and clashes between Turkish security forces and Kurdish militants, are seen in the southeastern town of Cizre in Sirnak province, Turkey March 2, 2016 - Sputnik Brasil
Governo do Curdistão: operação da Turquia contra curdos é um genocídio
No último final de semana, uma explosão na capital turca deixou 37 mortos e cerca de 125 feridos. Embora nenhum grupo tenha assumido a responsabilidade pelo atentado, chefes do serviço de segurança da Turquia revelaram que as primeiras investigações apontam para o PKK. 

Em entrevista à imprensa britânica nesta terça-feira, Cemil Bayik, um dos líderes do partido, afirmou que a tendência é a de que a violência no país fique ainda maior, uma vez que o governo continua com a sua política de repressão contra as comunidades curdas.

"Os turcos saquearam e queimaram tudo que eles puderam nas cidades curdas onde o toque de recolher foi imposto", afirmou Bayik. "Até recentemente, a guerra com o exército turco ocorria apenas nas montanhas. Depois foi para as cidades. Agora, haverá combates em todos os lugares". 

Segundo o líder do PKK, qualquer ação adotada pelas guerrilhas curdas neste momento será "legítima". 

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала