Enviado da ONU gostaria de uma mulher na presidência da Síria

© REUTERS / Remo CasilliStaffan de Mistura, enviado especial das Nações Unidas para a Síria
Staffan de Mistura, enviado especial das Nações Unidas para a Síria - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O enviado especial da ONU para a Síria, Staffan de Mistura, acredita que uma mulher poderia ocupar o cargo de presidente da Síria.

Bairro residencial na cidade síria de Aleppo, Síria, 18 de fevereiro de 2016 - Sputnik Brasil
Cessar-fogo na Síria se observa, Rússia está satisfeita
“Eu gostaria muito”, disse o enviado especial das Nações Unidas, ao ser questionado a respeito.

Começaram nesta segunda-feira (14) as negociações internas da Síria sob os auspícios da ONU, focadas em temáticas relacionadas ao governo, a reforma constitucional e as futuras eleições no país. 

Desde o último 27 de fevereiro, está em vigor um cessar-fogo na Síria, resultado das negociações bilaterais entre Rússia e Estados Unidos. 

A trégua, aprovada por uma resolução do Conselho de Segurança da ONU, não se aplica a grupos terroristas como Daesh e Frente Al-Nusra, organizações proibidas em diversos países. 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала