Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Conselheira de Assad: campanha aérea russa ‘presta um serviço à Europa’

© Sputnik / Dmitriy Vinogradov / Abrir o banco de imagensAl-Baath University students hold a rally in Homs in support of Russia's military operation in Syria
Al-Baath University students hold a rally in Homs in support of Russia's military operation in Syria - Sputnik Brasil
Nos siga no
Segundo Bouthaina Shaaban, conselheira do presidente da Síria Bashar Assad, a Rússia está ajudando os sírios a combater o terrorismo, restaurar a paz e a estabilidade no país.

Bairro residencial na cidade síria de Aleppo, Síria, 18 de fevereiro de 2016 - Sputnik Brasil
Cessar-fogo na Síria se observa, Rússia está satisfeita
Além disso, ela opinou que a Rússia está prestando um serviço à Europa com a sua campanha aérea antiterrorista:

"Os enormes esforços da Rússia contra o terrorismo não só na Síria, mas também na Europa e no mundo inteiro, deixarão uma marca na história. O terrorismo é uma ameaça para todos nós, especialmente para a Europa. Eu penso que a Rússia está prestando serviço à Europa em combater terrorismo na Síria", disse Shaaban em uma entrevista à emissora BBC.

A conselheira de Assad também sublinhou o papel da Rússia em frear o contrabando de petróleo efetuado pelo Daesh e outros grupos terroristas:

"Só depois do envolvimento da Rússia é que começou a destruição dos caminhões-tanque usados pelos terroristas para contrabandear petróleo. Antes disso, a assim chamada coalizão internacional liderada pelos EUA nunca alvejou os caminhões-tanque que transportavam petróleo do Daesh da Síria para a Europa, via Turquia", sublinhou.

Desde 30 de setembro de 2015, as Forças Armadas russas vêm auxiliando o exército sírio, a pedido de Damasco, na luta contra os diferentes grupos terroristas que tentam derrubar o presidente Bashar Assad, contribuindo de maneira decisiva para os avanços das tropas do governo em áreas antes controladas pelos rebeldes.

Em 27 de fevereiro na Síria entrou em vigor uma trégua acordada entre os EUA e a Rússia.

A trégua, aprovada por uma resolução do Conselho de Segurança da ONU, não se aplica aos grupos terroristas reconhecidos como tal pela ONU, incluindo o Daesh (também conhecido como Estado Islâmico) e a Frente al-Nusra.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала