Ucranianos começam a duvidar se precisam da OTAN

© AFP 2022 / YURIY DYACHYSHYNMilitares ucranianos participam dos exercícios Rapid Trident realizados pela OTAN, oeste da Ucrânia, setembro de 2014
Militares ucranianos participam dos exercícios Rapid Trident realizados pela OTAN, oeste da Ucrânia, setembro de 2014 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O número dos ucranianos que se manifestam a favor da entrada do país na OTAN caiu durante o último ano, mostra uma pesquisa.

A enquete foi realizada entre 8 e 17 de fevereiro pelo instituto Gorshenin e divulgada na sexta-feira (11).

Secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, e o presidente ucraniano Pyotr Poroshenko - Sputnik Brasil
Ucrânia admite que não está pronta para ser membro pleno da OTAN
Segundo os seus dados, se agora seja realizado um referendo sobre a entrada da Ucrânia na aliança 47,1% dos respondentes votem positivo enquanto no ano passado este número equivaleu a 54,1%. Assim, o apoio à ideia de a Ucrânia tornar-se o membro da OTAN caiu para 7%.

Ao mesmo tempo, 35,4% dos ucranianos votariam da maneira negativa, e no ano passado o número foi de 33,1%. No leste e no sul do país, mais de uma metade dos respondentes se expressaram contra a ideia de aderir à OTAN (55,8 e 59,2%).

Em dezembro de 2014, a Suprema Rada (parlamento) da Ucrânia alterou duas leis abandonando o estatuto de não-alinhamento do país. A nova doutrina militar prevê a recuperação da linha de adesão à OTAN: A Ucrânia deve garantir até 2020 a plena correspondência das suas Forças Armadas às dos países membros da OTAN.

Manifestação a favor de integração europeia em Kiev, Ucrânia - Sputnik Brasil
Chefe da Comissão Europeia: Ucrânia não poderá tornar-se membro da UE e OTAN
É bem conhecido que para se tornar membro da UE ou OTAN o país precisa corresponder a alguns critérios relacionados ao regime democrático e direitos humanos. Mais cedo o ex-secretário Geral da OTAN, Anders Fogh Rasmussen, disse que a Ucrânia precisará de muito tempo para implementar todas as mudanças necessárias para corresponder aos critérios.

Segundo o chefe da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, que discursou no início de março em Haia, a Ucrânia precisa de mais de 20-25 anos para tornar-se membro da União Europeia ou OTAN.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала