União Europeia confirma prorrogação de sanções contra Rússia

© Sputnik / Vladimir Sergeyev / Abrir o banco de imagensBandeiras da Rússia e União Europeia
Bandeiras da Rússia e União Europeia - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O Conselho da União Europeia confirmou nesta quinta-feira (10) a prorrogação até 15 de Setembro das sanções contra indivíduos e entidades na Rússia e na Ucrânia acusadas de violar a integridade territorial do povo ucraniano.

Presidente russo, Vladimir Putin - Sputnik Brasil
Deputados europeus querem aplicar sanções pessoais a Putin
"Em 10 de março de 2016, o Conselho prorrogou por seis meses as medidas restritivas da União Europeia contra 146 indivíduos e 37 empresas na sequência da persistente ameaça à integridade territorial, soberania e independência da Ucrânia", afirma o comunicado.

De acordo com o Conselho, o congelamento de bens e a proibição de entrar no território da União Europeia estarão em vigor até 15 de setembro de 2016 de setembro.

A medida será publicada no Diário Oficial da União Europeia no próximo sábado, 12 de março. 

As relações entre a Rússia e o Ocidente deterioram-se após a crise ucraniana e particularmente após a reintegração da Crimeia à Rússia.

Os EUA, União Europeia e outros países ocidentais adotaram vários pacotes de sanções contra os cidadãos, empresas e setores inteiros da economia russa. Moscou respondeu restringindo produtos alimentares dos países europeus.


Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала