Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Tristeza e coragem: rio desaparece por completo no México

© AFP 2021 / LUIS ACOSTAEm 2010, o rio Atoyac teve outra calamidade: em 20 de dezembro daquele ano, explodiu uma parte do oleoduto pertencente à estatal Pemex. 28 pessoas morreram e os bordes do rio ficaram pretos por causa do incêndio
Em 2010, o rio Atoyac teve outra calamidade: em 20 de dezembro daquele ano, explodiu uma parte do oleoduto pertencente à estatal Pemex. 28 pessoas morreram e os bordes do rio ficaram pretos por causa do incêndio - Sputnik Brasil
Nos siga no
O rio Atoyac, que passa por oito municípios do estado mexicano de Veracruz, desapareceu na noite passada por causa de uma biboca que se formou no seu leito.

Isso: desapareceu por completo. Segundo o diretor das Emergências de Proteção Civil local, Ricardo Maza Limón, citado pelo jornal 24 Horas, o fenômeno é devido a uma fratura geológica que formara uma cratera no fundo do rio. Por isso, a água já não vai sobre a terra, mas foi para dentro dela.

Maza Limón especificou que a Comissão Nacional da Água (Conagua) tomará medidas "desde o ponto de vista científico", juntamente com a autoridade de Proteção Civil.

Alguns moradores de Rancho San Fermín, que está situado perto do local onde o rio afundou, relataram que no domingo passado (28 de fevereiro), ouviram de repente um barulho estranho e sentiram que a terra "retumbava". Na manhã seguinte, viram que "a água deixou de correr". Ao ir revisar o que foi, "topamos com um poço que provoca que a água já não corra no seu leito", conta Juana Sánchez, uma das moradoras locais, citada pela agência Efe.

Vazamento de petróleo na Amazônia - Sputnik Brasil
Peru declara estado de emergência na Amazônia após vazamentos de petróleo
A agência cita também um comunicado oficial que diz que "estas lapas colocam-se para dentro dos terrenos e lapas continuam a surgir".

De acordo com os dados disponíveis no momento, o orifício se encontra a três quilômetros no nascimento do rio, cuja água é (ou foi) usada para o benefício de mais de 10.000 famílias e dos engenhos de açúcar da região.

O rio Atoyac é afluente do rio Cotaxtla, que teve uma considerável perda de água devido ao desaparecimento do seu "companheiro".

O presidente do município de Atoyac (homônimo com o rio), Agustín Mollinedo Hernández, apelou, na quarta-feira (2), para resgatar o rio.

"Uma falha geológica gerou o corte total do leito do rio Atoyac; dá-me isso tristeza e coragem, temos que resgatar este afluente, temos que resgatá-lo, porque isso mata não só as espécies, senão que isso é a alma e a vida", disse, referindo-se ao rio, Mollinedo Hernández, citado pelo jornal El Universal.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала