Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para
 - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Patriarca Kirill recebeu livro que conta a história dos Compatriotas Russos no Brasil

PANORAMA CULTURAL COM JACINTO
Nos siga no
Vice-presidente do Conselho Coordenador dos Compatriotas Russos no Brasil homenageou o chefe da Igreja Ortodoxa Russa em São Paulo.

O líder da Igreja Ortodoxa Russa, Kirill, Patriarca de Moscou e de toda a Rússia, é recebido pelo Arcebispo do Rio de Janeiro, Dom Orani Tempesta - Sputnik Brasil
Patriarca Kirill reza no alto do Corcovado
O domingo, 21, foi especial para o advogado Jacinto Zabolotsky. Presidente da Associação Cultural Russa Volga do Brasil, sediada em Campina das Missões, no Rio Grande do Sul, e vice-presidente do Conselho Coordenador dos Compatriotas Russos no Brasil, Zabolotsky acompanhou a presença do Patriarca Kirill em São Paulo e as celebrações que o líder da Igreja Ortodoxa Russa conduziu na capital paulista.

Foi em meio a estas celebrações que Jacinto Zabolotsky se aproximou do Patriarca Kirill para lhe entregar a edição em russo do seu livro “A Imigração Russa no Brasil”.

“Trata-se de um livro lançado em 2007 e que contém uma dedicatória e algumas palavras do hoje Patriarca Kirill, que, em 2006, havia estado no Brasil, então na condição de Metropolita e responsável pelo Departamento de Relações Exteriores da Igreja Ortodoxa Russa. O exemplar que entreguei ao Patriarca é o da quarta edição, e para mim foi uma emoção muito grande poder realizar esta entrega pessoalmente, nas mãos de Sua Santidade, o líder Kirill.”

O patriarca ortodoxo russo Kirill celebra a Santa Missa na Catedral Metropolitana Ortodoxa - Sputnik Brasil
‘Guerra e violência nunca alcançaram paz’, diz Patriarca Kirill em São Paulo
Jacinto Zabolotsky contou ainda que o Patriarca lhe agradeceu muito pelo livro e que ele próprio lembrou que em 2006 havia estado no Brasil, em São Paulo e em Santa Rosa, no Rio Grande do Sul. Foi naquela cidade gaúcha, na região em que está concentrada boa parte da colônia russa no Estado, que o então Metropolita Kirill registrou a sua homenagem aos conterrâneos, redigindo as palavras transformadas em dedicatória aos membros da coletividade russa no Sul do Brasil.

“Eu classifico a oportunidade que tive, de me aproximar do Patriarca Kirill, conversar com ele e lhe entregar o livro, como uma dádiva de Deus. Além de ter sido uma emoção muito grande, foi uma oportunidade ímpar para mim, a de me aproximar do líder da Igreja Ortodoxa Russa, conversar com ele e ouvir de Kirill palavras de conforto, atenção e encorajamento pelo trabalho que desenvolvemos junto aos compatriotas no Brasil.”

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала