Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Exército da Síria retoma mais áreas em Aleppo

© AFP 2021 / GEORGE OURFALIANMilitares sírios acenam com as mãos depois de ter tomado o controle da vila de Kiffin, província de Aleppo, Síria, 11 de fevereiro de 2016
Militares sírios acenam com as mãos depois de ter tomado o controle da vila de Kiffin, província de Aleppo, Síria, 11 de fevereiro de 2016 - Sputnik Brasil
Nos siga no
As tropas governamentais e as FDN conseguiram retomar o controle do vilarejo de Jebb Ghabishah, na província de Aleppo, informou a agência iraniana FARS.

Soldados do Exército sírio na povoação de Ohrus, liberada do Daesh, na província de Aleppo, Síria, 17 de fevereiro de 2016 - Sputnik Brasil
Sírios destroem fortificações do Daesh em Aleppo
O ataque mais recente do Exército sírio deixou dezenas de terroristas mortos e muitos mais feridos, de acordo com fontes locais, acrescentando que as tropas sírias continuam avançar contra o Daesh em Aleppo.

As forças sírias pró-governamentais atingiram êxitos nos últimos dias e instalaram forças a sete quilómetros da faixa que está sob o controle do Daesh, entre Platô al-Bab e as planícies al-Safira, informou a FARS.

Ao mesmo tempo, fontes militares disseram que as tropas sírias preparam uma série de outras operações militares contra os grupos terroristas.

“O Exército sírio e as FDN planejam realizar duas operações separadas em cidades de Abtayn e al-Zorba, bem como nos arredores da cidade de Khan Touman”, informaram fontes.

Militares sírios na província de Aleppo - Sputnik Brasil
Forças sírias retomam mais vilas na província de Aleppo
No início desta semana, as forças sírias lançaram uma série de ofensivas contra posições do Daesh nas cidades de Al-Bab, Qabasin e Beza, onde foram eliminados muitos terroristas.

Caças sírios destruíram fortificações terroristas em Handarat e Hraytan, na cidade de Aleppo.

A Síria está mergulhada na guerra civil desde 2011. O governo do país luta contra um número de fações de oposição e contra grupos islamistas radicais como o Daesh (também conhecido como “Estado Islâmico”) e a Frente al-Nusra.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала