Egito diz que não aceitará possível divisão da Síria

© AFP 2022 / LOUAI BESHARABandeiras da Síria na cidade de Madaya, em 14 de janeiro
Bandeiras da Síria na cidade de Madaya, em 14 de janeiro - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O Cairo não concorda e nunca concordará com uma possível partilha da Síria, garantiu nesta sexta-feira o embaixador do Egito na Rússia, Mohammed Badri.

John Kerry e Sergei Lavrov em Munique, 7 de fevereiro de 2015 - Sputnik Brasil
Síria terá uma semana para negociar o encerramento dos combates
"Nós não aceitamos, nós não vamos aceitar e nunca iremos concordar com a divisão da Síria. Nós defendemos o estabelecimento de um governo interino, cujo futuro deverá ser definido pela nação síria", disse Badri durante participação em uma mesa-redonda na sede da agência Rossiya Segodnya, em Moscou.

Segundo o embaixador, o Egito apoia tanto a luta contra o terrorismo como o respeito às instituições políticas da Síria. 

Em conflito civil desde 2011, o Estado da Síria perdeu parte do seu território para diferentes grupos rebeldes. Mas, graças à ajuda oferecida pela aviação russa, que realiza bombardeios contra posições terroristas no país desde setembro passado, Damasco já conseguiu retomar o controle de diversas áreas.

Após vários dias de discussão sobre uma possível ofensiva internacional terrestre, representantes do Grupo Internacional de Apoio à Síria chegaram a um acordo na madrugada desta sexta-feira para cessar as hostilidades no país dentro de uma semana, mantendo apenas a luta contra o Daesh e a Frente al-Nusra. 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала