Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Irã 'joga xadrez' com EUA, abandonando o dólar

© AP Photo / Vahid SalemiFuncionário do setor petrolífero iraniano vai de bicicleta perto da refinaria petrolífera no sul de Teerã, Irã
Funcionário do setor petrolífero iraniano vai de bicicleta  perto da refinaria petrolífera no sul de Teerã, Irã - Sputnik Brasil
Nos siga no
O Irã decidiu realizar o seu comércio de petróleo em euros, ao invés de dólares norte-americanos, de acordo com a informação não confirmada. O analista econômico Shabbir Razvi disse à Sputnik que Teerã está aparentemente jogando um jogo "delicado" de xadrez com Washington.

"O Irã está tentando fazer com que as suas relações com os EUA e o mundo sejam melhores  do que eram no passado recente. No entanto, ao mesmo tempo, o Irã não quer que os EUA se tornem mais fortes. Isto é realmente um jogo de xadrez que os iranianos estão jogando com os EUA", observou o diretor da Fundação Internacional de Diálogo, sediada em Londres.

Zona do euro - Sputnik Brasil
Irã descarta dólar em transações de petróleo
Os acordos de petróleo do Irã em euros já foram concluídos com a Total francesa, a Lukoil da Rússia e a Cepsa espanhola, disse à Reuters uma fonte não identificada na Companhia Nacional de Petróleo iraniana na sexta-feira (5). 

A lógica por trás da decisão do Irã é simples: se Teerã se afastar do petrodólar, os EUA terão menos controle do mercado do petróleo. No momento, o dólar é a moeda de todas as operações de commodities a nível mundial, especialmente no comércio de petróleo.

"Esta é literalmente a única razão de o dólar e a economia dos EUA estarem estáveis", destaca o analista.

Razvi também apontou que as elites financeiras ocidentais "necessitam do sistema do petrodólar" e que elas estão dispostas a utilizar quaisquer medidas, até campanhas militares, para proteger o status quo. Teerã está bem consciente das implicações da sua decisão, por isso realiza um " delicado jogo de xadrez " com os EUA.

"Saddam Hussein começou a vender petróleo em euros e nós sabemos o que aconteceu com o Iraque depois de 2001", frisou o analista.

Presidente Vladimir Putin da Rússia (R) se reúne com presidente do Irã, Hassan Rohani, à margem da Assembleia Geral das Nações Unidas, em Nova York, 28 de setembro de 2015 - Sputnik Brasil
Aproximar-se da Rússia é prioridade para o Irã
Um destino semelhante aguardou a Líbia, cujo líder, Muammar Kadhafi, foi morto depois de uma intervenção liderada pela OTAN. Kadhafi era um firme defensor da introdução de uma nova moeda, o dinar de ouro, para rivalizar com o dólar e o euro. 

No entanto, Razvi enfatizou que as chances de os EUA lançarem um ataque contra o Irã são escassas.

Segundo as previsões, a implementação do acordo iraniano, firmado em 14 de julho de 2015, virá adicionar pelo menos 500 mil barris por dia ao mercado de petróleo. Para Teerã, aumentar a produção deste combustível é uma forma de compensar as perdas financeiras que o país sofreu quando estava sob as sanções, levantadas em 16 de Janeiro passado por parte tanto dos EUA como da União Europeia.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала