Terroristas fogem enquanto exército sírio avança em Aleppo

© AFP 2022 / GEORGES OURFALIANSyrian pro-government troops hold positions in the Syrian town of Ain al-Hanash near l-Bab in Aleppo's eastern countryside on January 26, 2015 as regime forces have recaptured the area from Islamist jihadists
Syrian pro-government troops hold positions in the Syrian town of Ain al-Hanash near l-Bab in Aleppo's eastern countryside on January 26, 2015 as regime forces have recaptured the area from Islamist jihadists - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
As tropas sírias reconquistaram nesta quinta-feira (28) a cidade de Bluzah na província de Aleppo no noroeste do país, informou a agência iraniana FARS ontem (28).

Syrian government troops and allied militiamen walk inside the key town of Salma in Latakia province, Syria. - Sputnik Brasil
Avante, a todo o gás: exército sírio ataca terroristas desde Aleppo até Daraa
A vitória do exército e dos seus aliados entre as milícias foi alcançada após confrontos violentos com os terroristas sobre a cidade localizada ao sul de Safira na província de Aleppo.

As tropas também causaram fortes baixas aos militantes ao destruir a sua munição e armas perto de um centro científico ao oeste da cidade de Aleppo.

Dentro da própria cidade uma unidade militar destruiu as posições da Frente al-Nusra e outras organizações terroristas no bairro de Bani Zaid, sublinhou a agência.

Durante a operação na aldeia de Jeb al-Safa e a cidade de al-Bab na zona rural no nordeste da províncias os soldados sírios destruíram alguns veículos equipados com metralhadoras usadas pelos terroristas, informou uma fonte militar nesta quinta-feira (28).

Nos últimos dias o exército da Síria a as milícias faziam avanços sucessivos nas partes situadas no noroeste do país afastando os terroristas de mais territórios na região.

Os aviões de combate sírios também alvejavam as posições dos militantes na província de Aleppo nesta semana.

Ruinas de um prédio na cidade de Salma, libertada do Daesh - Sputnik Brasil
Exército sírio expulsa islamistas de Latakia
Além dos esforços antiterroristas do exército sírio, em 30 de setembro a Rússia iniciou uma campanha aérea, tendo mais de 50 aviões de combate russos, inclusive Su-24M, Su-25 e Su-34 efetuado ataques de alta precisão contra as posições do Daesh na Síria após pedido do presidente Bashar Assad.

Desde 22 de janeiro a Força Aeroespacial russa tem realizado 70-100 surtidas por dia. 

A Síria está em estado de guerra civil desde 2011. O governo do país luta contra um número de facções de oposição e contra grupos islamistas radicais como o Daesh (também conhecido como “Estado Islâmico”) e a Frente al-Nusra.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала