Ministro alemão: cooperação com Rússia salvará União Europeia da crise de refugiados

© Sputnik / Vladimir Sergeev / Abrir o banco de imagensBandeiras da Rússia e da União Europeia
Bandeiras da Rússia e da União Europeia - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Sendo a região mais afetada pelas consequências dos conflitos no Oriente Médio, a Europa precisa reunir os esforços dos países mais influentes do mundo, como a Rússia e os EUA, para tentar solucionar a crise, defende o ministro das Finanças da Alemanha em um artigo para o jornal alemão Frankfurter Allgemeine Zeitung.

"A Rússia desempenha um papel chave na resolução do conflito sírio, e, portanto, do problema de refugiados. Uma estratégia europeia no Oriente Médio e na África que exclua a participação de Putin é tão sem sentido quanto àquela sem a participação dos EUA" – escreve Wolfgang Schäuble.

Bandeira da União Europeia - Sputnik Brasil
Premiê da França: crise de refugiados pode destruir a Europa
O político destacou que além da regulação da situação na Síria, a Rússia também poderia trazer uma contribuição significativa ao processo de negociações envolvendo outros conflitos na região do Oriente Médio, bem como ajudar a reduzir as diferenças entre a coalizão sunita liderada pela Arábia Saudita e a coalizão xiita liderada pelo Irã.

Dados recentes mostram que nos primeiros 10 meses de 2015 o território da União Europeia recebeu cerca de 1,2 milhÕes de migrantes. A Comissão Europeia declarou que a atual crise migratória é a maior desde os tempos da Segunda Guerra Mundial.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала