Exército de Israel abre fogo contra militares libaneses em retaliação

Nos siga noTelegram
A artilharia israelense abriu fogo nesta segunda-feira (4) na fronteira com o Líbano, em resposta a um ataque à patrulha que teve lugar mais cedo hoje, disse o porta-voz das Forças de Defesa de Israel.

Cidadãos libaneses empunham um cartaz com o retrato de Samir Kuntar durante a cerimónia de funerais do membro do Hezbollah, Beirute, Líbano, 21 de dezembro de 2015 - Sputnik Brasil
Assassinato de ativista do Hezbollah por Israel viola soberania da Síria
Uma fonte libanesa disse mais cedo à Sputnik que a artilharia israelense bombardeou várias áreas no sul do Líbano com pelo menos 50 projéteis, adicionando que alguns deles caíram no território de uma base militar.

Segundo ele, há feridos entre civis.

"Um dispositivo explosivo improvisado foi usado contra um veículo militar perto da área de Har Dov. As nossas forças responderam com fogo de artilharia de precisão", disse a porta-voz à agência de notícias RIA Novosti.

Mais tarde, o canal televisivo local al-Manar comunicou que o grupo xiita libanês Hezbollah se reivindicou responsável pelo ataque à patrulha israelense. 

“O agrupamento ‘Mártir Kuntar’ fez explodir o dispositivo no caminho na região libanesa de Sheba, ocupada por Israel, o que resultou na explosão de um carro de marca Hummer, aqueles que estavam dentro sofreram”, cita o al-Manar a afirmação do Hezbollah. 

Em 19 de dezembro, um membro do Hezbollah, Samir Kuntar, foi morto em um alegado ataque aéreo israelense que alvejou um edifício residencial perto da capital síria.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала