Pesquisa: Daesh perdeu 14% do território que controlava em 2014

© Sputnik / Valeriy MelnikovMoradores retornam a um vilarejo cristão destruído pelo Daesh na província de Al-Hasaka, nordeste da Síria
Moradores retornam a um vilarejo cristão destruído pelo Daesh na província de Al-Hasaka, nordeste da Síria - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O Daesh perdeu, em 2015, cerca de 14% do território que controlava em 2014, segundo um estudo do instituto especializado IHS Jane´s, sediado em Londres, informou Agência Brasil.

Su-34 bomber jet - Sputnik Brasil
Líbia considera pedir à Rússia que realize ataques aéreos contra o Daesh
Ao basear-se em informações retiradas das mídias sociais e de fontes presentes na Síria e Iraque, o IHS calcula que a zona controlada pelo Daesh foi reduzida em 12,8 mil quilômetros quadrados entre 1º de janeiro e 14 de dezembro de 2015. Segundo este estudo, o grupo controla hoje 78 mil quilômetros quadrados.

Por outro lado, os curdos sírios quase triplicaram a sua zona (+186%), que em meados de dezembro se estendia por 15,8 mil quilômetros quadrados. A zona fronteiriça norte entre a Turquia e a Síria, na região de Tal Abuad, e um dos principais pontos de passagem da fonteira turca pelo grupo, é apontada como uma das perdas do Daesh.

No entanto, o Daesh também se apoderou de territórios novos. Em 2015, as suas conquistas mais significativas foram o seu avanço no oeste da Síria, via Palmira, e a tomada do centro da cidade de Ramadi, informou IHS.

Na Síria, o presidente Bashar Assad também perdeu territórios, controlando cerca de 30 mil quilômetros quadrados, 16% do país, que possui uma superfície total de 185.180 quilômetros quadrados. No entanto, segundo a pesquisa, o Governo sírio conseguiu recuperar uma parte substancial das suas perdas territoriais registadas no início do ano devido à intervenção militar russa, que começou em setembro.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала