O Su-24 abatido não apresentava ameaça à Turquia

© Sputnik / Mikhail Voskresensky / Abrir o banco de imagensCaça bombardeiro tático russo Su-24
Caça bombardeiro tático russo Su-24 - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O Su-24 russo abatido pela Força Aérea da Turquia não ameaçou aquele país, disse o vice-chefe da Força Aeroespacial da Rússia durante briefing nesta sexta-feira (18).

Ele acrescentou que a Rússia tem provas que o avião militar nunca cruzou a fronteira turca.

A caixa-preta do bombardeiro está em boa condição e a recolha de informação deve ser feita em regime normal.

Os primeiros resultados devem ser revelados nesta segunda-feira (21), diz o Ministério da Defesa.

O Su-24 abatido fazia parte do grupo aéreo russo que Moscou começou a enviar à Síria em 30 de setembro, respondendo ao pedido correspondente de Damasco, que quis oficialmente ajuda russa no combate aos terroristas do Daesh ("Estado Islâmico") e Frente al-Nusra.

Veja o vídeo do briefing

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала