Thierry Mariani: França se aproximou da posição russa sobre a Síria

© Sputnik / Mikhail Voskresenskiy / Abrir o banco de imagensDeputado da Assembleia Nacional da França Thierry Mariani
Deputado da Assembleia Nacional da França Thierry Mariani - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O chefe de uma delegação de parlamentares franceses em Moscou, Thierry Mariani, disse à Sputnik nesta quinta-feira (17) que a França se aproximou da posição da Rússia sobre o conflito sírio. Antes, ele se reuniu com o presidente da Duma (câmara baixa do parlamento russo), Sergei Naryshkin.

O presidente russo, Vladimir Putin, e o presidente francês, François Hollande - Sputnik Brasil
Le Point: Putin é o melhor amigo da França desde os atentados de Paris
Mariani destacou que os políticos franceses foram a Moscou conhecer de perto a posição russa sobre a Síria para poder compreendê-la melhor. O deputado francês relatou que Naryshkin afirmou na reunião que a Rússia não aspirava liderar uma coalizão internacional antiterrorista e que insiste que esta deva ser realizada sob a coordenação da ONU.

O legislador russo também alertou que retirar o presidente da Síria, Bashar Assad, do poder neste momento crucial da crise síria levaria ao “colapso” do exército sírio, que luta contra os diversos grupos rebeldes, e permitiria que o país fosse “cortado em pedaços”.

Rússia e França conduzem duas campanhas aéreas distintas na Síria visando a destruição do grupo terrorista Daesh (também conhecido como Estado Islâmico, proibido na Rússia e em muitos países).

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала