Aleksei Meshkov: Ancara não permite previsões positivas para as relações russo-turcas

© Sputnik / Ramil Sitdikov / Abrir o banco de imagensVice-ministro das Relações Exteriores da Rússia Aleksei Meshkov
Vice-ministro das Relações Exteriores da Rússia Aleksei Meshkov - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O vice-chanceler da Rússia, Aleksei Meshkov, afirmou nesta quarta-feira (16) que as atuais ações de Ancara fazem as previsões de um desenvolvimento positivo das relações russo-turcas serem impossíveis.

"A linha mantida pelas autoridades turcas não permite previsões positivas, tanto em termos da completa falta de vontade de reconhecer a responsabilidade pelo ataque a um Su-24 da Rússia, bem como em termos de se livrar dos duplos padrões na luta contra o terrorismo internacional", afirmou Meshkov à RIA Novosti.

Participante do protesto contra as ações turcas em frente da embaixada russa em Moscou empunha o cartaz com a inscrição Náo vou à Turquia - Sputnik Brasil
Rússia impõe três condições à Turquia para superar tensão
De acordo com o vice-ministro, é evidente que as relações entre os dois países não será a mesma, "pelo menos no nível que foi alcançado nos últimos anos". Segundo Meshkov, "as ações da Turquia, e, pelo contrário, sua inação em certas questões representam uma ameaça real para a segurança da Federação Russa e dos seus cidadãos". As relações bilaterais entre Ancara e Moscou pioraram após a derrubada de um russo bombardeiro russo Su-24 por um caça turco F-16 na Síria, em 24 de novembro.

Em resposta a esta "facada nas costas", como foi descrito pelo presidente russo, Vladimir Putin, Moscou impôs uma série de sanções contra a Turquia, incluindo restrições de importação, a proibição de atividades das organizações turcas na Rússia e um embargo sobre a contratação de cidadãos turcos na Rússia.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала