'Alargamento da OTAN não corresponde às necessidades de segurança europeia'

© AFP 2022 / GEORGES GOBETOTAN
OTAN - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Finalmente a OTAN começou a reagir aos desafios à segurança da aliança, disse o representante da Rússia na OTAN, Aleksandr Grushko, durante a videoconferência organizada pela agência noticiosa Rossiya Segodnya.

Antes na reunião dos chanceleres da OTAN foram discutidos o terrorismo e outras ameaças para os extremos meridionais da aliança.

“O mais importante é que no final das contas a OTAN começou a enfrentar os desafios e as ameaças reais. Em primeiro lugar, a ameaça para o chamado ‘ventre meridional’ da OTAN”, disse o diplomata russo.

Um membro do movimento pacifista com a bandeira No OTAN - Sputnik Brasil
‘Hitler nunca faria o que OTAN faz’
Na reunião também foi adotada uma estratégia contra ataques híbridos, segundo a qual, a OTAN pode aplicar o 5o artigo do Tratado do Atlântico Norte para responder a ataques híbridos contra a aliança.

Grushko afirmou que a OTAN foi a primeira a realizar operações híbridas.

“Com efeito, sabemos muito bem que os países da OTAN foram os primeiros a realizar operações híbridas. Um exemplo disso foram os bombardeamentos da Iugoslávia em 1999, acompanhados por uma grande pressão propagandista, demonização do país, pressão econômica, ameaça de sanções econômicas e políticas”.

Quartel-general da OTAN em Bruxelas - Sputnik Brasil
Adesão de Montenegro à OTAN: um passo atrás para a Europa
Ao mesmo tempo, Grushko destacou que a estratégia da OTAN prevê que os próprios países devem tomar a iniciativa na luta contra ataques híbridos.

Comentando a adesão de Montenegro à OTAN, Grushko disse que o país põe em risco as suas relações com a Rússia.

“Devemos perceber que Montenegro se junta a uma organização que hoje declara a sua política oficial de contenção da Rússia. Assim, Montenegro abdica do potencial de relações de boa vizinhança com o nosso país <…>”, disse Grushko. “Isto é pura geopolítica, não há nada ligado às necessidades reais de segurança”.

A United States Air Force cargo plane maneuvers on the runway after it landed at the Incirlik Air Base, on the outskirts of the city of Adana, southern Turkey, Friday, July 31, 2015 - Sputnik Brasil
OTAN premia Erdogan com novas armas antiaéreas instaladas na Turquia
Há que lembrar que, em 2 de Dezembro, a OTAN convidou Montenegro a começar negociações para aderir à organização mas, segundo as sondagens, menos de metade da população é a favor da adesão à aliança.

Grushko afirmou que isso é mais uma prova de que “o alargamento da OTAN é somente um projeto geopolítico” e é “uma tentativa de impor à Rússia e a toda a Europa uma agenda que não deve existir”.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала