Rússia prestes a criar centro de comando conjunto com França, EUA e Turquia

© POOL / Abrir o banco de imagensO novo Centro Nacional de Controle da Defesa da Rússia
O novo Centro Nacional de Controle da Defesa da Rússia - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Rússia está pronta para criar um centro de comando conjunto com a França, os EUA e a Turquia para realizar ataques contra o Estado Islâmico, disse o embaixador russo na França, Aleksander Orlov, esta quarta-feira (25).

"Podem ser vários tipos de coalizão. Primeiro é a coordenação, que é uma necessidade prioritária, mas estamos dispostos a levar as coisas mais longe, para planejar os ataques conjuntos contra o Estado Islâmico. Para isso, poderíamos criar um quartel-general conjunto com a França, os EUA e todos os outros países dispostos a fazer parte da coalizão contra o terrorismo", disse Orlov à rádio Europe 1. 

Respondendo à questão se Moscou concordaria com participação da Turquia em tal coalizão, Orlov disse “se quiserem, com certeza, ficaremos agradecidos”.

O avião militar russo Su-24, proveniente da base aérea de Hmeymim, foi abatido por um caça turco F-16 no território da República Árabe da Síria. A análise dos dados de controle objetivo mostrou inequivocamente que não houve violações do espaço aéreo da Turquia.

O presidente da Rússia Vladimir Putin destacou que o avião russo foi atacado na Síria, em 1 km da fronteira com a Turquia e caiu a 4 km da fronteira turca. Segundo Putin, "é óbvio" que nem os pilotos russos, nem o avião ameaçavam a Turquia.

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, classificou o ato como "um golpe nas costas". 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала