Vice-ministro russo: Cooperação com o Ocidente no combate ao terrorismo está arruinada

© REUTERS / Vincent KesslerFlores e velas no local de um atentado em Paris
Flores e velas no local de um atentado em Paris - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O vice-ministro das Relações Exteriores da Rússia responsável pelo antiterrorismo, Oleg Siromolotov, afirmou nesta segunda-feira (16), em uma sessão do Conselho da Federação (câmara alta do Parlamento russo), que a cooperação com o Ocidente, particularmente os EUA, no combate ao terrorismo está arruinada.

“Depois dos eventos da Crimeia, a cooperação de contraterrorismo praticamente entrou em colapso nas nossas relações bilaterais, em primeiro lugar com o Ocidente e os EUA” disse Siromolotov.

Um jovem sai da sala de concertos Bataclan após atentado em Paris, na noite de 13 para 14 de novembro - Sputnik Brasil
Ataques em Paris: Como o Estado Islâmico escolheu os alvos
Ele destacou que o grupo de trabalho criado em conjunto com os EUA para combater o terrorismo não está funcionando atualmente. O vice-ministro salientou que os únicos contatos mantidos são os relacionados à segurança da informação.

Siromolotov disse que, desde setembro, o Conselho de Segurança das Nações Unidas não consegue chegar a um acordo sobre uma resolução sobre a luta contra o terrorismo no Oriente Médio e na África do Norte por problemas relacionados com a formulação de suas bases.

Já o vice-chanceler russo, Gennady Gatilov, disse que Moscou pretende mobilizar os seus colegas do Conselho de Segurança para combater o terrorismo. Ele afirmou que, graças a uma iniciativa da Rússia, foi aprovada uma resolução permitindo parar o comércio ilegal de petróleo dos extremistas.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала