Alemanha não pensa em aumentar gastos com segurança por conta dos ataques em Paris

© AFP 2022 / TOBIAS SCHWARZBandeira Federal da Alemanha em Berlim
Bandeira Federal da Alemanha em Berlim - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Não houve conversas na Alemanha sobre a possibilidade de aumentar os gastos com a segurança por causa dos ataques terroristas na França, afirmou nesta segunda-feira a porta-voz do Ministério do Interior do país, Pamela Muller-Niese.

Caças Rafale da Força Aérea da França se prerarem apoiar a coalizão internacional contra o Estado Islâmico, 27 de setembro de 2015 - Sputnik Brasil
Quais são os obstáculos legais para intensificação da campanha ocidental contra EI?
Segundo Niese, as autoridades alemãs fecharam o orçamento da segurança para os próximos três anos na última quinta-feira, um dia antes dos atentados que deixaram quase 130 mortos em Paris e na região da capital francesa. 

"Nós finalizamos o nosso orçamento para 2016, 2017 e 2018, antes dos ataques em Paris. Se alguma coisa nova estar por vir, eu não sei nada sobre isso ainda e isso será especulação", afirmou a funcionária do Ministério do Interior. De acordo com ela, as cidades da Alemanha já fortaleceram a segurança em locais estratégicos, como estações de trem e aeroportos, mobilizando inclusive mais agentes. 

Logo após os ataques na França, vários governos europeus anunciaram medidas para aumentar o alerta antiterrorista em seus países, temendo novas ações de militantes do Estado Islâmico, grupo que assumiu a responsabilidade pelas ações na capital francesa. 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала