Força Aeroespacial russa realiza 85 voos em dois dias

© Sputnik / Mikhail Voskresensky / Abrir o banco de imagensHelicópteros russos atacam terroristas na Síria
Helicópteros russos atacam terroristas na Síria - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Força Aeroespacial russa fez 85 voos de combate na Síria nos dois passados, atacando 277 alvos.

Segundo o Ministério da Defesa da Rússia, a aviação russa alvejou objetos e instalações do Estado Islâmico nas províncias sírias de Aleppo, Damasco, Lataquia, Hama, Homs e Idlib.

Concretamente, o porta-voz da pasta, general-major Igor Konashenkov, informou que um armazém de armamentos do Estado Islâmico foi atingido, além de uma série de automóveis na província de Damasco.

Exército sírio em ação contra os grupos terroristas. - Sputnik Brasil
Depois de retomar Kuweires, Síria começa a expulsar terroristas de outra base estratégica
Já na província de Homs, na cidade de Tadmor, uma coluna de material bélico pertencente ao Estado Islâmico foi destruída.

Além do Estado Islâmico, outro grupo terrorista, Frente al-Nusra, também sofreu danos. Um armazém subterrâneo deste grupo armado foi destruído por um caça russo. Aliás, é um exemplo de cooperação internacional: a informação sobre o local preciso do armazém fora passado à parte russa pela oposição síria.

Ontem, na terça-feira (10), o vice-ministro russo das Relações Exteriores, recebeu no seu escritório em Moscou o líder da oposição síria, Qadri Jamil. As partes abordaram o assunto da coordenação de ações no combate ao terrorismo.

Aliás, Konashenkov informou que a aviação russa conseguiu fazer com que um dos planos principais dos terroristas sírios fracasse. Segundo a pasta, o Estado Islâmico almejavam tomar a cidade de Hama, capital da província homônima.

Outro plano dos terroristas cancelado pela operação russa foi a transportação de armamentos e munições a células islamistas que atuam perto das cidades de Aleppo e Idlib.

Coordenação

A operação aérea russa na Síria, que começou em 30 de setembro após um pedido oficial de Damasco, visa ajudar o exército sírio a combater o Estado Islâmico.

Rússia combate Estado Islâmico na Síria

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала