Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

As guerras em que EUA não deveriam ter se metido

© Foto / Public domainAvião dos EUA lançando bombas durante a Guerra do Vietnã
Avião dos EUA lançando bombas durante a Guerra do Vietnã - Sputnik Brasil
Nos siga no
Durante a sua história, os Estados Unidos participaram de muitas campanhas militares. No entanto, há algumas em que as autoridades norte-americanas não deveriam ter se metido. A revista The Nacional Interest elaborou uma lista.

O primeiro lugar ocupa a Guerra Anglo-Americana de 1812, ou seja, a segunda guerra pela independência. Segundo o artigo, os EUA estavam mal preparados e, por isso, a invasão do Canadá falhou. No mar, os norte-americanos tiveram alguns sucessos mas a supremacia foi da marinha britânica. Além disso, o exército do Reino Unido incendiou e saqueou Washington.

Presidente dos EUA, Barack Obama - Sputnik Brasil
Mídia: conflito sírio destrói reputação dos EUA
Os autores atribuíram a segunda posição no ranking à Guerra de Black Hills de 1876-1877 contra os índios Sioux. A The National Interest a classifica como uma das menos preparadas na campanha contra a população indígena.

O terceiro lugar é ocupado pela participação dos EUA da Primeira Guerra Mundial de 1914-1918. O país entrou na guerra só em 1917, depois de navios americanos serem atacados pelos submarinos alemães. Durante 18 meses, os EUA perderam 116 mil homens, nota a edição.

A revista colocou na quarta posição a intervenção dos EUA na guerra do Vietnã de 1965-1973. Os EUA se meteram no conflito que não levou a nada, exceto grandes perdas, se diz no artigo. Retirando as tropas, os EUA deixaram o Veitnã do Sul desprotegido do Vietnã do Norte.

Finalmente, a edição faz lembrar o envio das tropas da coalizão internacional ao Iraque em 2003 com o objetivo de derrubar Saddam Hussein, estabelecer um regime aliado e prevenir a proliferação das armas de destruição em massa.

“Olhando para trás, cada um destes objetivos parece absurdo”, se diz no artigo.

Embora os EUA tivessem vencido no Iraque, não conseguiram estabelecer a paz no país. A situação se transformou em guerra civil. Além disso, os vestígios das armas de destruição em massa nunca foram encontrados.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
AO VIVO
Заголовок открываемого материала
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала