Polícia britânica reduz esforços de investigação no caso Madeleine McCann

© AFP 2022 / FRANCISCO LEONG / Abrir o banco de imagensGerry e Kate McCann, pais da menina Madeleine McCann, desaparecida em 2007 durante férias com a família em Portugal
Gerry e Kate McCann, pais da menina Madeleine McCann, desaparecida em 2007 durante férias com a família em Portugal - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
A Scotland Yard está reduzindo drasticamente o número de investigadores que trabalham no caso da menina britânica Madeleine McCann, desaparecida em 2007, quando passava férias com os seus pais em Portugal.

Em um momento, a equipe do Reino Unido envolvida nas buscas por informações sobre a criança chegou a contar com 29 policiais. Mas, a partir de agora, apenas quatro profissionais continuarão trabalhando na missão. 

De acordo com as autoridades, a investigação continuará ativa, mas não é possível precisar quando se chegará a uma conclusão. 

Através de um comunicado oficial, os pais de Madeleine, que tinha apenas três anos quando foi vista pela última vez, no Algarve, disseram entender a decisão da polícia britânica, que, segundo eles, fez progressos significativos no caso. E acrescentaram que ainda acreditam na possibilidade de reencontrar sua filha. 

"Enquanto nós não soubermos o que aconteceu com Madeleine, continuaremos esperançosos de que ela ainda possa ser encontrada, dado o estado atual do inquérito", afirmaram Gerry e Kate McCann. 

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала