EUA e Rússia chegam a acordo sobre espaço aéreo da Síria

© Sputnik / Ministério da Defesa russo / Abrir o banco de imagensCaça russo Su-34 em missão na Síria
Caça russo Su-34 em missão na Síria - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O governo dos Estados Unidos e da Rússia afirmaram nesta sexta-feira que o exército de ambos países chegaram a um acordo sobre a coordenação do espaço aéreo da Síria, em meio as preocupações com um confronto acidental entre as aeronaves militares.

Barack Obama respondeu a perguntas sobre o acordo com o Irã em coletiva de imprensa realizada na Casa Branca nesta quarta-feira (15) - Sputnik Brasil
Obama: EUA continuarão mantendo relações com oposição moderada na Síria
As autoridades militares dos dois países "assinaram documentos sobre a segurança no espaço aéreo da Síria logo mais", informou o exército da Rússia em um comunicado. "Todas as questões técnicas foram acordadas". 

O presidente dos EUA, Barack Obama, afirmou que os países chegaram a um acordo apenas sobre como evitar confrontos em suas campanhas na Síria, acrescentando que outras questões maiores permanecem não resolvidas. 

"Aonde nós continuamos a divergir é no conjunto básico de princípios e estratégias que estamos desenvolvendo na Síria", disse Obama durante uma coletiva de imprensa na Casa Branca.

Em 30 de setembro, Rússia, por solicitação do presidente Bashar Assad, começou a realizar ataques pontuais às instalações do Estado Islâmico (EI) na Síria, com uso de сaças-bombardeiros Su-25, bombardeiros Su-24M, Su-34, e caças Su-30CM. Desde o início da operação, Rússia realizou cerca de 100 ataques, atingindo centros de comando, campos de treinamento e depósitos de munições. Além disso, a Flotilha russa no mar Cáspio disparou 26 mísseis contra alvos do EI.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала