Aviação russa já destruiu cerca de 500 alvos do EI na Síria

© Sputnik / Ministério da Defesa russo / Abrir o banco de imagensCaça russo Su-34 em missão na Síria
Caça russo Su-34 em missão na Síria - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
Desde o início da operação militar russa na Síria, que já dura 14 dias, as Forças Aeroespaciais da Rússia já desferiram cerca de 500 ataques contra posições do Estado Islâmico na Síria, informou nesta quarta-feira, 14, o representante oficial do ministério russo da Defesa, general-major Igor Knashenkov.

Ele frisou que o objetivo da missão russa é de prestar apoio aéreo à operação terrestre dos exércitos do governo da Síria e de atingir alvos da infraestrutura do grupo terrorista Estado Islâmico naquele país.

Caça bombardeiro tático russo Su-24 - Sputnik Brasil
Aviação russa realiza 41 voos combatendo Estado Islâmico na Síria
Assim, segundo Knashenkov, os ataques destruíram principalmente alvos importantes, como postos de comando, campos de treinamento, depósitos com armamentos, centros de comunicação e fábricas para a produção de explosivos da organização terrorista.

Nas palavras do general, a quantidade de bases do EI está diminuindo significativamente conforme o avanço da operação russa.

© SputnikCampanha antiterrorista da aviação russa na Síria
Campanha antiterrorista da aviação russa na Síria - Sputnik Brasil
Campanha antiterrorista da aviação russa na Síria

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала