Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Senador norte-americano sugere que sírios façam exame de DNA antes de entrar nos EUA

© AFP 2021 / ARMEND NIMANIMigrantes e refugiados
Migrantes e refugiados - Sputnik Brasil
Nos siga no
Os refugiados sírios interessados em buscar asilo nos Estados Unidos deveriam se submeter a um exame de DNA antes de serem aceitos no país, segundo defendeu o senador norte-americano Ron Johnson, nesta quinta-feira, durante discurso no Comitê de Segurança Interna e Assuntos do Governo.

Mãos das crianças curdos sírios no campo de refugiados - Sputnik Brasil
Notícias do Brasil
Brasil assina com a ONU cooperação para facilitar vistos a refugiados da guerra da Síria
"Se nós definirmos isso como o critério número um, membros da família, então podemos fazer testes de DNA", disse o senador. "Isso certamente seria, eu acho, útil". 

As declarações do parlamentar foram feitas durante uma discussão no Congresso sobre métodos eficazes de evitar que militantes do Estado Islâmico entrem no país se passando por refugiados. Para Johnson, os sírios que quiserem se asilar nos EUA devem ter familiares vivendo no país, e esses parentes devem se responsabilizar financeiramente pelos recém-chegados. 

No último dia 20, o secretário de Estado norte-americano, John Kerry, anunciou que os EUA estavam dispostos a receber até 85 mil refugiados em 2016 e outros 100 mil em 2017. Segundo o New York Times, os Estados Unidos receberam apenas 1.500 refugiados sírios desde o início da guerra civil na Síria, há quatro anos.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала