Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Ministro: Rússia não concederá qualquer crédito à Ucrânia para pagamento do gás

© REUTERS / Laszlo Balogh Sistema de distribuição de gás in Beregdaroc, um dos pontos de trânsito do gás russo para UE
Sistema de distribuição de gás in Beregdaroc, um dos pontos de trânsito do gás russo para UE - Sputnik Brasil
Nos siga no
A Rússia não tenciona conceder crédito à Ucrânia em nenhuma forma para a compra de gás neste inverno, disse a jornalistas ministro russo da Energia Aleksandr Novak.

Distribuição russa de gás - Sputnik Brasil
Acordo entre Rússia e Ucrânia sobre gás não exclui problemas para a Europa
Segundo o acordo que a Ucrânia, Rússia e Comissão Europeia rubricaram em Bruxelas em 25 de setembro, a empresa Naftogaz ucraniana comprará somente dois bilhões de metros cúbicos de gás com 500 milhões de dólares que foram creditados pela UE.

A parte russa, no entanto, prevê que esta quantidade de gás possa ser insuficiente por causa do inverno frio, considerando que a Ucrânia precisa de 5-7 bilhões de metros cúbicos de gás. 

«Estes assuntos não estão sendo discutidos. Como vocês sabem, a partir de 16 de junho a Gazprom passou ao regime de pré-pagamento de acordo com o contrato atual e agora, tomando em conta a situação, o Gazprom fornece gás somente nos volumes pagos com antecedência. Não se pode falar da concessão nem de créditos, nem de adiantamentos”, disse o ministro.

Além disso, o ministro rejeitou o mecanismo de pagamento através da compensação por conta do valor que a Rússia paga pelo trânsito do gás à Europa através da Ucrânia.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала