Cadastro bem-sucedido!
Por favor, siga o link da mensagem enviada para

Armazém em Tianjin guardava 3 mil toneladas de 40 produtos químicos perigosos

© AP Photo / Ng Han GuanMilhares de carros que estavam no porto de Tianjin ficaram carbonizados.
Milhares de carros que estavam no porto de Tianjin ficaram carbonizados. - Sputnik Brasil
Nos siga no
O armazém em Tianjin, na China, que explodiu na quarta-feira (12) armazenava 3 mil toneladas de aproximadamente 40 produtos químicos perigosos. A informação foi confirmada nesta terça-feira (18) pelo Ministério de Segurança Pública chinês.

A zona do sinistro em Tianjin - Sputnik Brasil
China: companhias estrangeiras paralisam operações no porto de Tianjin
A quantidade exata de cada substância, porém, ainda não está esclarecida. O subdiretor do Departamento de Bombeiro da pasta, Niu Yueguang, afirmou somente que 800 toneladas seriam de nitrato de amônio, 700 cianeto de sódio e 500 de nitrato de potássio. A grande preocupação agora é quanto às consequências desta tragédia, uma vez que os produtos contaminaram regiões próximas.

As autoridades locais informaram que especialistas farão a limpeza da área onde o material altamente tóxico chegou. No entanto, segundo elas, ainda não haviam sido detectadas alterações na qualidade do ar, que se mantém dentro dos níveis seguros para a população.

Uma sequência de explosões no porto de Tianjin provocou a morte de 114 pessoas, 70 estão desaparecidas e outras 700 ficaram feridas. Tremores foram sentidos em um raio de 10 km e uma área de 20 mil km² foi afetada por conta do incêndio. O Tribunal Supremo Chinês abriu investigação sobre a Ruhai International Logistics, proprietária dos contêineres, e executivos da empresa foram detidos nesta terça-feira.

Feed de notícias
0
Antigas primeiroRecentes primeiro
loader
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала