Incêndios florestais atingem milhares de hectares de florestas na Sibéria

© NASAFoto de satélite da NASA indica locais de incêndios florestais na Sibéria
Foto de satélite da NASA indica locais de incêndios florestais na Sibéria - Sputnik Brasil
Nos siga noTelegram
O site da NASA divulgou nesta terça-feria (11) dados de satélite indicando que a área de incêndios florestais nas imediações do lago siberiano Baikal, na Rússia, aumentou três vezes no decorrer de 24 horas.

Floresta em chamas atinge estrada na Sibéria - Sputnik Brasil
Inferno na Terra: motoristas atravessam estrada em meio a uma floresta em chamas
Os dados foram obtidos no dia 10 de agosto, através do espectroradiômetro MODIS (Moderate Resolution Imaging Spectroradiometer). Sua análise mostrou que a área de incêndios florestais na região russa da Sibéria cresceu para 108 mil e 300 hectares. No total, foram contabilizados 146 focos de incêndios locais.

Mais de a metade dos incêndios floresais (63 mil e 600 hectares) acontece no território da República da Buriátia. O fogo também atinge florestas na República de Tuva. A área total de incêndios registrados em reservas naturais das regiões de Irkutsk e Zabaykalsky é de aproximadamente 10 mil e 700 hectares.

Lago Baikal - Sputnik Brasil
Lago Baikal, a maior reserva de água doce do mundo, baixou para "nível crítico"
A fumaça liberada atrapalha as imagens de satélite, ficando difícil reconhecer os contornos do lago Baikal nas fotos.

Os trabalhos de combate ao fogo conseguiram extinguir no decorrer da última semana um total de 50 incêndios. De acordo com a NASA, participaram dessas operações cerca de 3500 pessoas, 500 unidades de veículos e equipamentos técnicos e 11 helicópteros especializados. Além de bombeiros, os trabalhos contam o apoio de destacamentos da polícia, guardas florestais e orgãos de poder locais.

Os incêndios nas florestas da Sibéria são bastante comuns nessa época do ano. Sua origem vem geralmente de fatores como tempo quente e seco, atitividade das populações locais e queimadas agrícolas.

Incêndios florestais na república russa da Khakássia - Sputnik Brasil
Rússia promete reconstruir casas destruídas nos incêndios da Sibéria antes do inverno
Especialistas do Comitê Meteorológico Nacional explicam que "os incêndios florestais são registrados todos os anos". Segundo eles, no período de primavera e verão do hemisfério norte ocorre a inflamação espontânea de árvores mortas e secas e o fogo, não raro, se alastra pela floresta.

"Neste caso, os focos de incêndios podem ser detectados por satélites de monitoramento que transmitem respectivas informações para o Ministério para Situações de Emergência da Rússia" – explicam.

Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала